Joga e Fala: Zombicide e aluguel de jogos

Eu to muito ligada agora nesse negócio de boardgames, como vocês podem ver nesse post, eu fui a um evento disso recentemente. Saí de lá praticamente chorando porque não deu pra levar o Camel Up comigo e to aqui juntando as moedinhas pra comprar o meu. Mas enquanto isso não acontece, da pra gastar no aluguel de jogos! Resolvi alugar 3 de uma vez: Citadels, Zombicide e 7 Wonders. O Black Stories, que é meu, também jogamos.

Pra quem ainda não sabe, tem aparecido lojas físicas no Brasil que vendem esses jogos “modernos” de tabuleiro. Lá no Diversão Offline conheci a Red Box e a Game of Boards e fui visitar as duas nessas últimas semanas. A primeira que fui, mais acessível pra mim, a Red Box, fica localizada no centro do Rio de Janeiro e a Game of Boards fica perto do metrô do Catete.

As duas lojas são pra se perder e morrer de amores, e no meu caso, chorar por não poder comprar um dos jogos. Cada jogo custa em média R$200 e é complicado demais levar pra casa algo desse preço que você nunca testou. Por isso, tanto a Red Box quanto a Game of Boards alugam alguns dos seus jogos. Como fui na Red Box primeiro, aluguei lá 3 jogos de uma vez e paguei R$50 pra ficar com eles por 5 dias.

Enquanto na Red Box cada jogo custa R$25 o aluguel e você fica com ele por 5 dias (me “deram” o Citadels), na Game of Boards cada jogo tem seu preço, que vai depender do valor de compra do jogo, tamanho, etc, e você pode ficar com ele por 7 dias. Apesar da Red Box ser mais barata e mais acessível pra mim, as caixas dos jogos vieram bem “ferradinhas” e o manual do zombicide tava uma tristeza de tanto que já foi usado (ou caiu nas mãos de uma pessoa nada cuidadosa).

Outro fator que me faz pensar em alugar na Game of Boards é que lá, o preço que você pagou no aluguel do jogo é revertido em desconto na compra dele caso você queira na hora de devolver, pegar um novinho. Na Red Box não sei se isso acontece.

Caso você não possa ou não se interesse em alugar, talvez por falta de companhia (fui idiota em não ter pensado direito nesse fator importantíssimo quando aluguei), é possível testar os jogos na loja. Na GOB, por exemplo, todas as sextas rola um evento em que você paga R$15 pra testar o que quiser e com uma galera que também gosta. Pretendo ir algum dia.

Mas vamos ao que interessa. Hoje vou falar do Zombicide para que o post não fique enorme. Nos próximos falo dos outros dois.

O que achei de: Zombicide

Senhor, que jogo difícil de entender pelo manual. Pelo menos levei umas 3h pra entender e só consegui entender MESMO com vídeos do Youtube.

Zombicide é o tipo de jogo de andar e fazer alguma ação. Admito que não é meu estilo favorito mas achei divertido, só não sei se pagaria R$400 pra tê-lo, provavelmente vale mais a pena alugar do que comprar pois sei que ficará mais guardado do que nas mesas.

É um jogo pra chamar galera. Quanto mais gente melhor. É dinâmico mas pode durar mais de horas e é possível encontrar mais missões e personagens na internet. Além disso, o design dele é incrível, com miniaturas de zumbi maravilhosas, MUITAS pecinhas e ilustração linda. Fiquei um tempão só organizando e tirando tudo da caixa.

Sobre o jogo

É um jogo cooperativo, onde você controla um ou mais sobreviventes em um apocalipse zumbi, e juntos precisam concluir o objetivo das missões escritas no manual. Primeiro temos o turno dos jogadores, onde cada um move seu(s) personagem(ns) e escolhe ações entre atacar um zumbi, procurar algo no local que está (dentro de prédios e carros), reorganizar o inventário ou até mesmo trocar de equipamento com outros sobreviventes que estão na mesma zona que você.

Depois de todos fazerem suas ações, entra o turno dos zumbis. Na missão escolhida, existe um mapa de referência para montar o seu tabuleiro, e nesse mapa existem placas que indicam onde entram os zumbis. Nesse turno, os zumbis que já estão no tabuleiro andam em direção aos sobreviventes, ao barulho (que acontece quando você usa uma arma barulhenta, por exemplo) e/ou atacam. Depois de cada zumbi fazer sua ação, entram mais zumbis nos locais indicados pelas placas de entrada.

O negócio é que o jogo vai se tornando difícil a cada rodada pois existem diversos tipos de zumbis (lerdos, corredores, abominações, etc) e cada vez que se mata um zumbi, 1 ponto ou mais de experiência o sobrevivente que matou recebe. Se qualquer sobrevivente “upar”, os zumbis “upam” juntos. Isso significa que ao invés de entrar 1 zumbi lerdo, por exemplo, podem aparecer 3 zumbis lerdos ou zumbis mais fortes.

Quem determina a entrada de zumbis é o próprio jogo. Temos uma pilha de cartas de zumbis e uma de equipamentos, toda vez que for necessária a entrada de um zumbi (no turno deles ou quando se abre uma porta), se retira uma carta da pilha de zumbis e se vê, de acordo com o nível, quantos e quais zumbis aparecerão naquela área. Caso você esteja na ação “procurar” em uma zona, retira-se da pilha de equipamento o objeto que você encontrou.

Existem determinadas armas que só matam determinados zumbis, que podem atirar em determinada distância ou corpo a corpo. Cada sobrevivente só pode se ferir 1 vez e segura suas cartas de ferimento toda vez que for atingido. Se tiver 2 ou mais cartas, o personagem morre. Cada ataque é determinado se atingiu ou não o alvo, e quantos pontos de dano foram feitos, pelo rolamento de dados. Cada arma exige um número a ser tirado no dado (ex: 4+) e quantos dados você pode jogar.

Caso tenha tirado o número equivalente para dar o dano em mais de um dado, e tiver mais de um zumbi na zona, cada dado pode representar um zumbi diferente. Ou seja, em um ataque com arma de 2 dados, acertando o número nos 2 dados, um pode matar um zumbi e o outro, outro zumbi que esteja na mesma zona. Deu pra entender?

Considerações finais

Como eu disse anteriormente, não é meu tipo de jogo preferido mas gostei bastante desse. É super famoso e existem outras versões, como o Black Plague, que eu não joguei ainda mas sei que tem recursos a mais e possibilidade do jogador morto virar um zumbi! Não tenho certeza disso pois é apenas o que já ouvi falar.

Eu não compraria o Zombicide porque é um jogo muito caro e que apesar de poder jogar sozinho, é muito mais legal em grupão. Por isso, prefiro apenas me contentar com os alugueis.

Se eu falei algo errado do funcionamento do jogo, pode puxar minha orelha nos comentários. Como joguei apenas 2x, posso ter falado alguma besteirinha. Se você já jogou ou quer jogar, me conta aí sua experiência e suas expectativas.

Beijón :*

Relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *